Voltar para o topo

Notícias

09/11/19 20:09

Da lesão ao título: Marcos Santos (81kg) celebra recomeço com primeiro lugar no CBI Seletiva Nacional Sub-21

Judoca ficou fora de combate por mais de um ano devido a cirurgia no joelho

Para um atleta de alto rendimento, fazer o que ama é algo que traz felicidade. Quando este prazer se soma a uma conquista depois de um período afastado do tatami é mais especial ainda. Marcos Santos, do SESI-SP, é um desses casos de superação no esporte. Campeão no CBI: Seletiva Nacional Sub-21 na categoria meio-médio (81kg), o judoca volta após um ano e dois meses fora devido a uma lesão no joelho e celebra o primeiro lugar como um recomeço.

"Foi importante demais conquistar essa vitória. Retornar em grande estilo é essencial para mim e acredito que será a primeira de muitas alegrias", disse Marcos, que precisou colocar todo o seu foco e esforço na sua recuperação plena.

"Fiquei um ano e dois meses parado e foi uma situação difícil para mim. Eu esperava ficar seis meses me recuperando. Depois, acabou passando para oito meses e, no fim, fiquei todo esse período fora. Acabei me focando mais na recuperação para poder voltar cem por cento e tive essa glória de vencer aqui na Seletiva", contou o atleta, que sofreu uma lesão do ligamento cruzado anterior do joelho direito.

Estar ausente das competições nunca é um período fácil na vida de um atleta de alto nível, sobretudo para quem está ainda em iniciando sua carreira competitiva, como foi o caso de Marcos, de apenas 18 anos.  

"Sem dúvida foi o momento mais díficil da minha carreira, porque eu não tinha passado por uma situação tão complicada. Pensei em desistir, parar de fazer o judô. Mas, tenho a sorte de ter grandes amigos, a família e meus técnicos por perto. Sem eles, não seria possível tudo isso. Coloquei a mente no lugar, me foquei e consegui voltar bem."

Na grande decisão da Seletiva, Marcos enfrentou Gabriel dos Santos, da Ass. Desp. Instituto Estadual de Educação (SC). Foi a primeira vez que encarou o atleta catarinense e precisou reinventar-se durante o duelo.

"Foi uma luta dura, ainda mais por não conhecer o meu adversário. Não tinha uma estratégia pré-definida. Acabei tendo que me adaptar durante o confronto e consegui uma queda no golden score", explicou.

A presença da comissão técnica das categorias de base da CBJ animou o judoca. Para ele, ser observado pelos técnicos da Confederação traz motivação para voltar a representar o país nas competições internacionais.

"Estar junto com a seleção brasileira é um sonho. Estou focado em voltar a ser convocado e vê-los aqui me deixa mais focado. Eles estão vendo minha evolução e acredito que posso estar no radar para as próximas etapas. É correr atrás e mostrar o meu valor", concluiu o atleta.

Confira os resultados do CBI: Seletiva Nacional Sub-21

Foto e texto: Fernando Alves/CBJ





Veja Também
14/12/19 12:06 Brasil fecha World Masters de Qingdao com dois quintos e um sétimo lugar 12/12/19 11:59 Após duas vitórias na estreia, Brasil vai para o segundo dia do World Masters com quatro judocas na busca pela primeira medalha do país na competição 11/12/19 12:29 Brasileiros conhecem primeiros adversários no World Masters da China 11/12/19 11:21 Em parceria com COB, CBJ promove workshop para treinadores das categorias de base do judô brasileiro 11/12/19 10:44 Chiaki Ishii e Mayra Aguiar são homenageados pelo COB no Prêmio Brasil Olímpico 09/12/19 11:38 Judô brasileiro disputa World Masters em busca dos últimos pontos da temporada 2019 05/12/19 10:52 Homenagens, planejamento para 2020 e adesão em massa da arbitragem: o sucesso do I Encontro Nacional de Arbitragem da CBJ 03/12/19 15:56 Seleção Brasileira de Judô segue preparação para o World Masters chinês em Tenri, no Japão 02/12/19 17:28 Três meses após dar à luz, judoca é campeã brasileira e sobe ao pódio com filho nos braços 02/12/19 11:38 Judocas de 16 estados conquistam medalhas no Campeonato Brasileiro Sênior de Judô
PATROCINADORES
PATROCINADOR OFICIAL
FORNECEDOR OFICIAL
Apoio
PARCEIROS DE MÍDIA
Apoio
Travel Ace Assistance
Siga-nos nas redes sociais
Confederação Brasileira de Judô
Horário de funcionamento: Segunda à Sexta das 9h às 18h
Rua Capitão Salomão, 40 - Humaitá - Rio de Janeiro - RJ / Brasil / CEP: 22271-040
Tel: 55 21 2463-2692 / Fax: 55 21 2462-3274
Website por RDWEB