Voltar para o topo

Notícias

24/03/22 16:04

Após 21 anos e 14 medalhas olímpicas, Ney Wilson Pereira encerra ciclo na CBJ para ser diretor no Comitê Olímpico do Brasil

Gerente de Alto Rendimento do judô foi anunciado nesta quinta-feira, 24, pelo presidente Paulo Wanderley Teixeira como novo diretor de esportes de alto rendimento do COB

O gerente de Alto Rendimento, Ney Wilson Pereira, deixará seu cargo na Confederação Brasileira de Judô para assumir o posto de Diretor de Esportes de Alto Rendimento do Comitê Olímpico do Brasil. Ele dividirá a diretoria com Kenji Saito, que será diretor de esportes de Desenvolvimento do COB. As novidades foram anunciadas nesta quinta-feira, 24, pelo COB em seu site.  

“Recebemos com surpresa e orgulho a notícia da nomeação do Ney Wilson para a diretoria de Esportes do Comitê Olímpico do Brasil. Felicitamos ao COB pela escolha de um excelente gestor esportivo e desejamos todo sucesso ao Ney nesse novo desafio. Temos certeza que ele fará um grande trabalho para o esporte brasileiro a exemplo do que fez nos 21 anos que liderou a gestão de Alto Rendimento da CBJ”, afirmou Silvio Acácio Borges, presidente da CBJ.  

Na CBJ desde 2001, Ney comandou a seleção brasileira de judô em cinco edições de Jogos Olímpicos (Atenas 2004, Pequim 2008, Londres 2012, Rio 2016 e Tóquio 2020), contribuindo para a conquista de 14 medalhas (2 ouros e 12 bronzes). Em Mundiais, foram 39 medalhas individuais e nove por equipes, além de diversas conquistas em Campeonatos e Jogos Pan-Americanos, Grand Prix e Grand Slam.

Nesta quinta, ele despediu-se dos colaboradores da Confederação evidenciando o trabalho de todos para que o judô alcançasse os resultados e o sucesso durante sua gestão. 

“Essa equipe é muito boa, os nossos resultados são do time CBJ. Sem o trabalho de vocês a gente não alcançaria o objetivo de uma Confederação esportiva que é a performance. A minha chegada ao COB é graças ao trabalho dessa equipe. Estou indo para lá para dirigir uma área de alta performance e espero encontrar uma equipe tão boa quanto essa. Deixo registrado meu muito obrigado. Essa é uma conquista de todos nós”, disse.  

Ney Wilson seguirá na CBJ até 9 de abril contribuindo para o processo de transição de gestão com a presidência e a gestão executiva. Seu substituto será anunciado em breve.  

“Foi tudo muito rápido e, por isso, ainda estamos avaliando as possibilidades. É um posto muito importante, vamos definir com calma para poder fazer bem feito esse processo de transição”, explicou Robnelson Ferreira, gestor executivo da CBJ.  





Veja Também
14/08/22 20:36 AO VIVO - CBI - TROFÉU BRASIL DE JUDÔ 2022 14/08/22 18:55 Brasil cai para Alemanha no bronze e termina em quinto lugar no Mundial por Equipes Sub-21 13/08/22 19:04 Beatriz Freitas é vice-campeã mundial júnior e Brasil fecha individual com duas pratas 12/08/22 17:36 Elite do judô brasileiro disputa Troféu Brasil e Grand Prix Nacional de Judô na próxima semana, em Belo Horizonte 12/08/22 15:43 Guilherme Morais vai às oitavas do Mundial Júnior e tem o melhor desempenho do Brasil no terceiro dia de competição 11/08/22 16:58 Kaillany Cardoso (63kg) conquista a prata no Mundial Júnior, primeira medalha do Brasil na competição 10/08/22 16:57 Aléxia Nascimento e Michel Augusto ficam em quinto lugar no primeiro dia do Mundial Júnior 09/08/22 17:23 Em homenagem surpresa, presidente Silvio Acácio Borges recebe promoção ao 8º Dan 09/08/22 15:31 CBJ homenageia Aurélio Miguel com a comenda da Ordem do Mérito 09/08/22 14:36 Comunicado - Transmissão do Campeonato Brasileiro de Veteranos
PATROCINADOR OFICIAL
 
Apoio
Travel Ace Assistance CBC
Siga-nos nas redes sociais
Confederação Brasileira de Judô
Horário de funcionamento: Segunda à Sexta das 9h às 18h
Rua Capitão Salomão, 40 - Humaitá - Rio de Janeiro - RJ / Brasil / CEP: 22271-040
Tel: 55 21 2463-2692 / Fax: 55 21 2462-3274
Website por RDWEB