Voltar para o topo

Notícias

20/11/21 19:34

Copa Brasil 2021 - Pinheiros bate Minas por 4 a 0 e é bicampeão da Copa

Título veio com vitórias de Rafael Freitas (73kg), Ellen Santana (70kg), Vinícius Panini (90kg) e Beatriz Souza (+70kg) logo nas quatro primeiras lutas, neste sábado, 20, em Pindamonhangaba (SP)

O Esporte Clube Pinheiros (SP) foi o grande campeão da Copa Brasil Interclubes de Judô ao vencer, neste sábado, 20, o Minas Tênis Clube pelo placar de quatro a zero. Rafael Freitas (73kg), Ellen Santana (70kg), Vinícius Panini (90kg) e Beatriz Souza (+70kg) venceram seus combates e garantiram o título ao Pinheiros pelo segundo ano consecutivo. A Copa Brasil é a principal competição por equipes mistas do judô brasileiro. O evento é realizado pela Confederação Brasileira de Judô com apresentação do Bradesco, patrocinador do judô brasileiro há mais de dez anos.  

Medalha de bronze ficou com a Sogipa, que bateu o Instituto Reação por 4 a 3. 

Para chegar à final, o Pinheiros bateu o Clube Athletico Paulistano (4 a 0) na fase de grupos e perdeu para o Instituto Reação (4 a 3) na final da chave do Grupo 1, passando às semifinais em segundo do grupo. Com isso, o clube paulista precisou vencer a Sogipa (4 a 3), líder do Grupo 2, na semifinal para chegar à decisão.  

O Minas teve caminho semelhante, vencendo a Umbra/Vasco (4 a 2), na primeira rodada do Grupo 2, e perdeu para a Sogipa (4 a 2), na última rodada da fase de grupos. Na semifinal, a equipe de Belo Horizonte superou o Instituto Reação (4 a 3) e chegou à final também pela segunda vez consecutiva.  

A disputa pelo ouro  

Na decisão deste sábado, o Pinheiros começou bem, com vitória de Rafael Freitas sobre Fernando Ramos, por waza-ari.  

No 70kg, o Minas tentou surpreender, escalando Gabriella Mantena, cuja categoria de origem é o meio-médio (63kg), para encarar Ellen Santana, que investiu na luta no solo para vencer sua oponente. Dessa forma, conseguiu encaixar uma chave de braço que fez Mantena bater e a arbitragem marcar o ippon.  

O lance gerou muita reclamação por parte do Minas, que pediu revisão do ippon entendendo que a chave teria sido aplicada após o sinal do tempo técnico soar, o que deveria paralisar a luta. A mesa, contudo, manteve a decisão do árbitro central e a vitória foi dada a Ellen Santana.  

O Pinheiros seguiu forte com Vinícius Panini projetando Eduardo Bettoni por ippon para ampliar o placar. Beatriz Souza fechou a conta ao vencer Ana Damasceno na quarta luta, sacramentando a vitória do Esporte Clube Pinheiros.  

Melhores da Copa  

Para coroar ainda mais a performance dos campeões, tanto Bia, quanto Panini foram eleitos os melhores atletas da Copa Brasil Interclubes de Judô 2021.  

“Todo mundo lutou com muita alma, se entregando de coração. E eu só tenho muito orgulho de estar lutando ao lado dessas pessoas maravilhosas, de estar junto com essa família aqui conquistando mais esse título”, festejou Bia, que embarca na próxima terça-feira para representar o Brasil no Grand Slam de Abu Dhabi.  

Para Panini, o título e a premiação teve um gostinho ainda mais especial, já que sua convocação para a Copa foi uma surpresa. Ele luta na categoria meio-médio (81kg) e precisou se adaptar rapidamente ao peso médio para substituir o titular do 90kg do Pinheiros, que virou desfalque de última hora.  

“Era para ter vindo outro atleta do peso 90kg, o Igor Morishigue, que é um baita atleta também e, infelizmente está doente. Eu vim para cobrir no lugar dele, fui pego de surpresa, estava em recuperação de uma lesão, mas deu tudo certo. Só tem adversário forte aqui, foi uma baita competição e estou muito feliz com a minha participação e a participação da minha equipe”, contou. 

 





Veja Também
25/01/22 17:18 CBJ e CBDV estreitam laços por judô cada vez mais inclusivo e vitorioso 25/01/22 15:14 Seletiva Nacional Sub-18 e Sub-21 retorna ao calendário abrindo as competições do judô brasileiro em 2022 24/01/22 16:40 Treinamento de campo nacional de veteranos levará judocas para o QG da seleção brasileira 12/01/22 15:49 CBJ lança Programa de Desenvolvimento das Equipes de Transição do judô brasileiro 11/01/22 12:09 Daniel Cargnin inicia ciclo Paris 2024 em nova categoria de peso 10/01/22 17:04 Novo ciclo, novas regras 17/12/21 20:17 Seletiva 2021 - Equipe masculina de judô é formada para representar o Brasil em 2022 15/12/21 21:39 Seletiva 2021 - Equipe feminina de judô é definida para 2022 13/12/21 18:43 COMUNICADO - Kiko Pereira, Sarah Menezes e Andréa Berti integrarão comissão técnica da seleção brasileira de judô para o ciclo Paris 2024 08/12/21 15:58 Presidente e medalhistas olímpicos do judô prestigiam cerimônia do Prêmio Brasil Olímpico
PATROCINADOR OFICIAL
FORNECEDOR OFICIAL
PARCEIROS DE MÍDIA
 
Apoio
Travel Ace Assistance CBC
Siga-nos nas redes sociais
Confederação Brasileira de Judô
Horário de funcionamento: Segunda à Sexta das 9h às 18h
Rua Capitão Salomão, 40 - Humaitá - Rio de Janeiro - RJ / Brasil / CEP: 22271-040
Tel: 55 21 2463-2692 / Fax: 55 21 2462-3274
Website por RDWEB