Voltar para o topo

Notícias

17/09/20 14:56

Judoca e ministro-chefe da Casa Civil, Walter Braga Netto é homenageado pela Federação Mineira de Judô e promovido à faixa-preta

Faixa e certificado de 1º Dan foram entregues ao ministro pelo campeão olímpico, Rogério Sampaio, e pelo professor Antônio Carlos Costa, em Brasília, nessa quarta-feira, 16

Rogério Sampaio, ministro Braga Netto e professor Costa. Foto: Jordan K Torres/GOV.BR Rogério Sampaio, ministro Braga Netto e professor Costa. Foto: Jordan K Torres/GOV.BR

O ministro-chefe da Casa Civil da Presidência da República do Brasil, Walter Braga Netto, é judoca e, nessa quarta-feira, 16, foi homenageado pela Federação Mineira de Judô, à qual é filiado. Em solenidade realizada em seu gabinete, em Brasília, Braga Netto recebeu certificado de promoção de grau (1º Dan) e a faixa preta de Judô das mãos do campeão olímpico e diretor geral do COB, Rogério Samapaio, e do professor Antônio Carlos Costa, presidente da Comissão de Graus Superiores da FMJ. 

“A promoção de faixa do ministro Braga Netto à faixa preta é um reconhecimento por anos de prática da modalidade. O ministro foi competidor em sua juventude e se desenvolveu também como competidor no desporto militar, como judoca. Os valores do Judô, que são extremamente importantes para todo praticante, são desenvolvidos em seu dia-a-dia e em suas atividades, valores como: respeito, amizade, coragem e humildade”, destacou Sampaio. 

A homenagem foi uma iniciativa da Federação Mineira de Judô, presidida por Nédio Henrique Pereira que, assim como Braga Netto, é ex-aluno do Colégio Militar de Belo Horizonte.  

“O judô mineiro celebra a entrega da faixa preta ao ministro Braga Netto, ex-aluno do Colégio Militar de Belo Horizonte. Os judocas egressos do CMBH destacaram que o ministro sempre foi um grande companheiro, dotado de espírito de camaradagem e atento às virtudes estabelecidas no código moral do judô: cortesia, coragem, honestidade, honra, modéstia, respeito, autocontrole e amizade”, pontuou o presidente da FMJ, que participou da solenidade de forma remota.

A CBJ, por meio de seu presidente Silvio Acácio Borges, apoiou a iniciativa da FMJ e também prestigiou a solenidade de outorga de faixa e diploma de forma remota.

“A outorga dessa faixa preta, símbolo da excelência, da disciplina, do respeito e da persistência no nosso esporte é um justo reconhecimento ao senhor Ministro Braga Netto em seus serviços prestados ao nosso país, tanto como estadista, quanto como judoca. Que essa faixa preta lhe traga ainda mais força e coragem, dentro ou fora dos tatames. É uma honra para o judô brasileiro tê-lo como membro da nossa família”, concluiu o presidente da CBJ. 





Veja Também
19/01/21 13:15 Judô despede-se de Shigueto Yamasaki, árbitro brasileiro em quatro Jogos Olímpicos 16/01/21 12:56 Judô brasileiro se despede do grande mestre Shuhei Okano 13/01/21 09:11 Beatriz Souza e David Moura terminam em 7º lugar, melhor resultado do judô brasileiro no World Masters de Doha 12/01/21 15:11 Silvio Acácio Borges é empossado no Conselho de Administração do Comitê Olímpico do Brasil 12/01/21 12:29 Seleção brasileira tentará reação no último dia do World Masters de Doha 11/01/21 11:06 Daniel Cargnin é o melhor brasileiro no primeiro dia do World Masters, em Doha 06/01/21 12:56 Federação Internacional de Judô confirma calendário 2021 com cinco Grand Slam e um Mundial até Tóquio 05/01/21 14:25 CBJ abre primeira janela de transferências interestaduais de 2021 05/01/21 10:20 A 200 dias de Tóquio, judocas se apresentam em Pindamonhangaba para concentração visando ao World Masters de Doha 21/12/20 22:11 Nota oficial - Rafaela Silva
PATROCINADORES
PATROCINADOR OFICIAL
FORNECEDOR OFICIAL
Apoio
PARCEIROS DE MÍDIA
Apoio
Travel Ace Assistance
Siga-nos nas redes sociais
Confederação Brasileira de Judô
Horário de funcionamento: Segunda à Sexta das 9h às 18h
Rua Capitão Salomão, 40 - Humaitá - Rio de Janeiro - RJ / Brasil / CEP: 22271-040
Tel: 55 21 2463-2692 / Fax: 55 21 2462-3274
Website por RDWEB