Voltar para o topo

Notícias

30/08/21 17:47

Competições estaduais aquecem o clima para a retomada dos eventos nacionais

De olho nos Brasileiros, Federações começam a realizar suas etapas estaduais e seletivas com foco nas classes Sub-21 e Sênior, que terão eventos nacionais ainda neste ano

Campeonato Carioca aconteceu na Arena Olímpica do Rio 2016. Foto: FJERJ Campeonato Carioca aconteceu na Arena Olímpica do Rio 2016. Foto: FJERJ

O final de semana do judô brasileiro foi marcado pela realização de diversos campeonatos e seletivas estaduais que já começaram a aquecer o clima para a retomada dos eventos nacionais de judô. De olho nos Brasileiros Sub-21 e Sênior, além da Seletiva Olímpica Paris 2024, as Federações buscaram se organizar e se adaptar aos protocolos da nova realidade pandêmica para trazer seus judocas de volta ao shiai-jo.  

Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Pernambuco, Sergipe, Rio Grande do Norte, Espírito Santo e Bahia realizaram, nesse final de semana, suas primeiras competições presenciais, enquanto outras Federações, como Santa Catarina, Paraná, Tocantins também já têm datas confirmadas nos próximos dias para suas disputas estaduais.  

O foco, além de retomar as atividades presenciais, é a formação das seleções estaduais que representarão os respectivos estados nos Campeonatos Brasileiros Sub-21 e Sênior, que acontecerão em outubro e novembro.  

Protocolos e transmissão ao vivo  

O “novo normal” trouxe novas necessidades na formatação dos eventos e, no quesito responsabilidade e inovação, as Federações deram um ippon. Testes de covid-19, limitação de público nos ginásios, higienização dos tatames, entre outros cuidados foram incluídos nos protocolos buscando dar uma segurança maior aos participantes.  

“Avaliamos de uma maneira muito positiva a retomada das nossas competições, dos nossos eventos. Similar à Confederação Brasileira de Judô nós realizamos a seletiva para o Campeonato Brasileiro Sub-21 em formato de bolha, com a realização de testes de antígeno. Os atletas entravam na competição e não podiam mais sair do ginásio antes do término, utilização de máscara, todos os protocolos sanitários. Tivemos uma boa adesão, com atletas também do Sub-18. Esperamos que, de forma gradativa e com bastante responsabilidade, possamos retornar com outros eventos, incluindo as classes menores, como o Sub-13 e o Sub-15”, avaliou o presidente da Federação Gaúcha de Judô, Luis Bayard.  

Além disso, o fã do judô pôde acompanhar grande parte dos estaduais, que foram transmitidos ao vivo pelos canais das Federações no Youtube e em Redes Sociais. Para muitas Federações, essa foi a primeira vez que uma etapa estadual contou com uma estrutura de streaming para o judô chegar a mais pessoas, como destacou o presidente de Sergipe, Euder Lima.  

“Foi tudo de maneira muito boa, muito organizada. Fizemos em duas áreas para termos maior controle, dividimos por categoria. Rodamos primeiro o Sub-13 e o Sub-15, esvaziamos o ginásio, todos os atletas foram embora, retornamos com o Sub-18 e o Sub-21, esvaziamos de novo e retomamos com master e sênior. Em termos de resultados, o nível técnico foi muito bom. Conseguimos apurar uma boa equipe para representar Sergipe no Campeonato Brasileiro. Além da sensação maravilhosa de poder retornar às competições presenciais, tivemos a transmissão ao vivo com 3.370 expectadores que acompanharam nossa transmissão. É um marco muito importante para o judô sergipano”, comemorou o presidente da Federação Sergipana de Judô.





Veja Também
20/09/21 11:48 Brasil vai com oito novatos para o Grand Prix de Zagreb, primeira competição do judô pós-Tóquio 17/09/21 17:27 Daniel Cargnin participa de live de lançamento do Curso Formando Campeões para o Esporte e para a Vida, do COB 16/09/21 09:50 Em reunião semanal, presidência da CBJ alinha próximos passos do Programa de Apoio às Federações 15/09/21 11:26 Conselho de Administração aprova atualização do Código de Conduta Ética da CBJ 10/09/21 10:15 Nota de Pesar - André Matos Santiago 09/09/21 16:27 Colaboradores da CBJ recebem treinamento sobre integridade 09/09/21 14:48 Em webinar promovido pela CBJ, árbitros olímpicos vão analisar lances que marcaram o judô em Tóquio 01/09/21 17:57 Flamengo reforça elenco no judô com a campeã olímpica Rafaela Silva 01/09/21 17:50 COB amplia Programa Esporte Seguro para envolver organizações e comunidade esportiva do país 23/08/21 11:58 CBJ promove webinar sobre Integridade e Educação Antidoping, nesta terça-feira, 24
PATROCINADOR MASTER
PATROCINADOR OFICIAL
FORNECEDOR OFICIAL
PARCEIROS DE MÍDIA
 
Apoio
Travel Ace Assistance
Siga-nos nas redes sociais
Confederação Brasileira de Judô
Horário de funcionamento: Segunda à Sexta das 9h às 18h
Rua Capitão Salomão, 40 - Humaitá - Rio de Janeiro - RJ / Brasil / CEP: 22271-040
Tel: 55 21 2463-2692 / Fax: 55 21 2462-3274
Website por RDWEB